título

PR defende actualização do ensino técnico-profissional

O Presidente da República, Filipe Nyusi, defendeu hoje a necessidade de o país repensar o ensino técnico-profissional, considerando que a actualização dos currículos deve ser uma prioridade.

"Preocupa-nos o facto de algumas instituições [escolas técnicas], apesar de possuírem condições propícias, continuarem a ministrar cursos técnicos e profissionais sem obediência aos requisitos exigidos para o efeito", declarou o chefe de Estado.

 

Filipe Nyusi falava em Maputo durante a abertura do Encontro Nacional das Escolas e Institutos Técnicos de Moçambique.

 

Para Nyusi, apesar dos progressos alcançados no ensino técnico-profissional nos últimos anos, a capacitação de quadros para responder às necessidades da actualidade é ainda um desafio, que só será ultrapassado com a actualização dos currículos.

 

"Queremos instar-vos a discutirem a questão de baixa eficiência que se regista nalgumas instituições", afirmou.

 

Além de uma actualização curricular, para Nyusi, é necessário adequar os programas das escolas técnico-profissionais aos padrões de ensino estabelecidos no país.

 

"Esperamos que neste encontro discutam que estratégias adoptar para que, dentro do prazo estabelecido, tenhamos instituições a formarem de acordo com a nova metodologia de ensino", concluiu o chefe de Estado moçambicano.

 

Lusa

18.09.2017

Partilhe: Facebook Twitter
>